Setor de serviços: panorama do mercado

Adicionado ao carrinho


Investimento:
R$ 0,000 x R$ 0 sem juros
logo

Adicionado ao carrinho


Investimento:
R$ 0,000 x R$ 0 sem juros

Empreendedorismo

Artigo
Artigo

Negócios no setor de serviços: panorama geral do mercado

Confira os desafios e oportunidade de negócio no setor de serviços

Publicado em
21/03/2024 18:52

Tempo de
leitura: 13min

Capa Conteúdos Sebrae Play (1).jpg
Confira os desafios e oportunidade de negócio no setor de serviços

O setor de serviços é parte vital da economia do Brasil, impulsionando o crescimento e sendo o epicentro de inovação e empreendedorismo. De acordo com dados recentes, o setor de serviços concentra a maior proporção de pequenos negócios na economia brasileira, evidenciando sua importância e potencial de expansão.

Sendo um componente essencial não só da economia, mas, também, da sociedade, o setor de serviços abrange vasta gama de atividades que não envolvem a produção de bens tangíveis. Em vez disso, concentra-se na entrega de bens intangíveis, como experiências, conhecimento e assistência.


 
 


 

Trocando em miúdos, este setor desempenha um papel fundamental na sociedade, respondendo às crescentes demandas por conveniência e especialização. Suas principais características são:

Amplitude de atividades

O setor de serviços é notável por sua diversidade, englobando serviços diversos, como financeiros, educacionais, de saúde, turismo e tecnologia da informação, por exemplo. De forma geral, tudo o que não é produto ou processo industrial, seja no grupo dos bens duráveis ou não duráveis, é considerado um serviço. Nesse caso, a mão de obra é a entrega final.

Empresas que oferecem consultoria, entretenimento, transporte, alimentação, e uma variedade de outros serviços, contribuem significativamente para a dinâmica econômica, proporcionando soluções e comodidades que moldam a forma como vivemos e trabalhamos.

Importância econômica e empregabilidade

Além de sua contribuição para o PIB, o setor de serviços é essencial na criação de empregos, uma vez que é preciso contar com a força de trabalho profissional em diversas frentes de cada atividade. A depender do ramo, é possível ver uma movimentação ainda maior na contratação, seja efetiva ou temporária, ao longo do ano. O setor de serviços de construção, por exemplo, pode realizar contratações para projetos específicos, em temporadas de "alta". Já o do varejo comumente emprega muito em datas festivas, como antes do Natal e do Ano Novo, e quem se destaca pode ter uma oportunidade permanente no estabelecimento.

Ou seja, são muitas as pessoas empregadas nas empresas de prestação de serviços, cada uma delas qualificando seu ramo de atuação ou buscando abrir novas portas, novos caminhos para o consumidor final de seu portfólio de atividades.

No quesito social, o setor de serviços também deixa sua marca. Além do potencial de empregabilidade, a área é responsável por criar laços de comunidade que vão além de seus benefícios econômicos. Podemos ver essa aproximação em empreendimentos como clínicas de bairro, salões de beleza, serviços de manicure e faxina e muito mais.


 
 


 

Desafios e oportunidades

Enquanto o setor de serviços oferece oportunidades significativas para inovação e empreendedorismo, ele também enfrenta desafios únicos. A rápida evolução tecnológica, as mudanças nas preferências do consumidor e a necessidade de constantes atualizações nas habilidades dos trabalhadores são alguns dos desafios enfrentados pelas empresas de serviços.

A capacidade de adaptação é crucial no setor de serviços, pois as empresas precisam se ajustar às demandas sempre mutáveis do mercado. Aquelas que investem em treinamento e oferecem experiências excepcionais aos clientes são mais propensas a prosperar em um ambiente comercial dinâmico.

Tirar a prova é bem fácil: há quarenta anos, não tínhamos os provedores de internet residencial que temos hoje. O mercado de marketing digital também não existia… e pode apostar que, ao longo dos próximos anos, serviços completamente inéditos vão surgir e ser entregues por empresas e empreendedores que estão sempre de olho nas tendências.

Panorama atual do mercado de serviços

No cenário atual, o setor de serviços reflete uma recuperação gradual após os desafios enfrentados, especialmente durante a pandemia de COVID-19. De acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o setor de serviços apresentou a terceira alta consecutiva no último trimestre, indicando uma retomada econômica significativa. Esse aumento está ligado à flexibilização das medidas de distanciamento social, permitindo uma maior operação de atividades que foram impactadas no auge da crise.

Além disso, a retomada do setor de serviços também está atrelada à recuperação do emprego. A geração de empregos é crucial para impulsionar o consumo e fortalecer a base econômica. Ações governamentais e estratégias empresariais direcionadas para a capacitação da mão de obra são essenciais para consolidar a trajetória positiva.

Um exemplo das estratégias que vale ser destaque por aqui é o dos salões de beleza, que precisaram se reinventar durante a pandemia para não perder sua fatia de mercado. E não estamos falando só dos enormes, mas dos pequenininhos de bairro, também. Em um momento em que todos precisaram fechar as portas, foi fundamental desenvolver estratégias que mantivessem o público de olho nas marcas.

Muitos profissionais da beleza utilizaram as redes sociais para dar dicas de cuidados caseiros e até ensinar procedimentos mais simples para a manutenção em casa. Essas plataformas acabaram criando novas referências e até mesmo o público que não conhecia determinado salão passou a conhecer a pessoa em questão, fortalecendo o empreendimento para o pós-lockdown e criando laços bem próximos com a clientela.

Em resumo, embora a economia no Brasil esteja demonstrando sinais encorajadores de recuperação, é vital que as empresas continuem a se adaptar às mudanças do ambiente de negócios.

Tendências e Inovação

O mundo está em constante evolução, e o setor de serviços não fica para trás. Novas tecnologias, como inteligência artificial e automação, estão transformando a maneira como os serviços são entregues e consumidos. Empresas que adotam inovações conseguem se destacar, oferecendo experiências mais eficientes e personalizadas aos clientes.

Um bom exemplo é o surgimento das fintechs. Nos últimos anos, os aplicativos financeiros redefiniram a forma como esse tipo de serviço é entregue. No Brasil, empresas como Nubank e PagSeguro introduziram modelos de negócios inovadores, oferecendo soluções financeiras acessíveis, ágeis e orientadas pelo digital. O Nubank, por exemplo, introduziu cartões de crédito sem taxas anuais, serviços bancários descomplicados e uma abordagem centrada no cliente, ganhando rapidamente a confiança e a preferência dos consumidores.

Outro setor de serviço que merece destaque pela inovação é o de mobilidade urbana, que também experimentou inovações significativas com o surgimento de plataformas tecnológicas. Empresas como Uber e 99 revolucionaram a forma como as pessoas se locomovem nas cidades brasileiras. Essas plataformas oferecem serviços de transporte mais eficientes, transparentes e personalizáveis, conectando motoristas e passageiros de maneira mais conveniente. Além disso, a introdução de opções de transporte compartilhado contribui para a redução do tráfego e para uma abordagem mais sustentável à mobilidade.

Esses exemplos destacam como a inovação no setor de serviços no Brasil não apenas atende às necessidades dos consumidores de maneira mais eficaz, mas também impulsiona a concorrência e estimula o desenvolvimento econômico. O ambiente empreendedor do país continua a promover soluções criativas que transformam a maneira como vivemos e interagimos com uma variedade de serviços essenciais.

Pilares de Excelência no Setor de Serviços

Ao explorar os elementos fundamentais para o sucesso nos negócios de serviços, identificamos pilares que se destacam como impulsionadores da excelência.

1. Pessoas e suas conexões

As empresas de serviços são, em grande parte, impulsionadas pelo talento e habilidades de suas equipes. Investir em capacitação, motivar os colaboradores e criar um ambiente de trabalho saudável são estratégias-chave para o sucesso neste setor. A satisfação do cliente muitas vezes começa com a satisfação do colaborador. Além disso, é fundamental manter uma boa relação com todos os stakeholders, desde os fornecedores à comunidade em que a organização está diretamente inserida, como uma rua, um bairro ou uma região específica.

2. Experiências

Clientes buscam experiências quando utilizam um serviço – e, quando se lembram dele de forma positiva, a empresa ganha pontos. Atualmente, entregar só funcionalidade não é o suficiente: é indispensável dar às pessoas conexões e experiências emocionais atreladas à prestação de serviços.

3. Gestão de Processos

A eficiência operacional é crucial nos negócios de serviços. Implementar práticas de gestão de processos pode otimizar a entrega de serviços, reduzir custos e melhorar a qualidade. Ferramentas e metodologias como o Blueprint de Serviços e o BPM (Business Process Management) desempenham papel vital nesse contexto.

4. Marketing e vendas

A promoção eficaz dos serviços é essencial para atrair e reter clientes. Estratégias de marketing digital, presença nas redes sociais e uma abordagem centrada no cliente podem diferenciar uma empresa de serviços no mercado. Investir em uma equipe de vendas bem treinada também é crucial para converter leads em clientes satisfeitos.

5. Tendências e inovação (reforçando o ponto)

A inovação não é apenas uma tendência, mas um pilar contínuo para o sucesso no setor de serviços. Acompanhar as últimas tendências tecnológicas e adaptar-se às mudanças do mercado garantem que a empresa permaneça relevante e competitiva.

Em um setor dinâmico como o de serviços, a adaptação constante é a chave para o sucesso. Ao focar nos pilares de excelência - pessoas e suas conexões, experiências, gestão de processos, marketing e vendas, tendências e inovação - as empresas podem não apenas sobreviver, mas prosperar em um mercado em constante evolução.

O primeiro passo nessa jornada de excelência está na experiência do cliente, que é a base do mercado de serviços – e, por isso, deve ser continuamente reforçada, para garantir a sobrevida de qualquer empresa. Não há receita de bolo quando falamos do foco no cliente, mas há uma certeza: quem não investe nesse relacionamento está fadado ao fracasso empresarial.

Lembre-se, conseguir seu lugar ao sol nos negócios de serviços é fruto de uma força contínua. Monitorar as mudanças no mercado, apostar em capacitação e abraçar a inovação são passos fundamentais para construir uma presença duradoura e bem-sucedida no setor de serviços.

Para isso, não deixe de se atentar para o passo a passo da gestão de negócios. Não é só sobre ter o CNPJ, mas sobre como fazer com que ele se sobressaia aos demais. Presença em ambientes digitais, a escolha certa da equipe e a prática da retenção de talentos, a forma de contar a história da sua marca e torná-la importante para o consumidor, tudo isso faz com que a construção do seu serviço seja sólida e perene.

E, se quiser se destacar dentro deste e de qualquer outro setor do empreendedorismo, já sabe: no Sebrae você encontra as ferramentas, mentoria e informação necessária para trilhar um caminho de sucesso, para onde quer que vá.

Quer entender como funcionam e quais são os pilares dos negócios no setor de serviços no Brasil? Venha com a gente! Fale com um de nossos especialistas no Atendimento Online, ligue para nossa Central de Atendimento no telefone 0800 570 0800 ou visite a Agência de Atendimento mais próxima.

Publicado em 21/03/2024 18:52

Tempo de leitura: 13min

Autores

Veja outros conteúdos sobre: Empreendedorismo
Lines
Central de Atendimento:
0800 570 0800

Copyright 2020 - SEBRAE MINAS

Logo Sebrae PlayLogo Sebrae