Importância de ensinar funcionários sobre finanças pessoais

Adicionado ao carrinho

Carga horária: NaN minuto

Investimento:
R$ 0,000 x R$ 0 sem juros
logo

Adicionado ao carrinho

Carga horária: NaN minuto

Investimento:
R$ 0,000 x R$ 0 sem juros

Finanças

Artigo
Artigo

Importância de ensinar funcionários sobre finanças pessoais

Saiba como a educação financeira nas empresas é importante

Publicado em
03/01/2024 16:32

Tempo de
leitura: 6min

AdobeStock_493459452 (2).jpg
Saiba como a educação financeira nas empresas é importante

A educação financeira é extremamente importante para se obter sucesso nos negócios e também para conquistar objetivos pessoais. No entanto, a maioria das pessoas não teve a oportunidade de receber uma formação adequada nesta área durante sua trajetória educacional, visto que ela não é contemplada na grade de educação formal no Brasil.

A falta dessa compreensão pode acarretar problemas graves para os negócios, como má gestão e até mesmo falência. Do ponto de vista pessoal, pode causar endividamento, levando inclusive a problemas de saúde mental.

Pesquisas apontam ainda que profissionais endividados são até 20% menos produtivos. Dessa forma, os gestores devem entender que a implantação da educação financeira nas empresas para seus funcionários, é muito mais do que um benefício.

Então que tal aprofundarmos neste tema, entendendo como as instituições podem, e devem, ensinar seus colaboradores a lidar com o dinheiro? Mas, antes, que tal conhecer alguns termos de finanças para ir se familiarizando? O Sebrae Play tem um glossário com os principais termos do setor financeiro.


 
 


 

Educação Financeira nas empresas

A orientação financeira é importante para todos, independente de idade ou renda. Ela ajuda a tomar decisões melhores, fugir do endividamento, proteger o que você já conquistou e atingir seus objetivos.

Mas, muita gente, sequer sabe quanto entra e quanto sai do bolso. Some isso ao fato de que a grande maioria nunca aprendeu sobre o assunto na escola.

Sabemos que a vida financeira dos profissionais está diretamente relacionada à saúde emocional e a produtividade do seu time. É por esse motivo que a área de Recursos Humanos deve trabalhar constantemente para promover este tema dentro das organizações. E os benefícios para a empresa são muitos: aumento da eficiência, maior retenção de funcionários e equilíbrio financeiro da equipe.

É importante ressaltar, que ensinar sobre educação financeira não se resume a oferecer um curso ou uma palestra. É preciso desenvolver um programa contínuo de aprendizado e mudança de mentalidade.

A especialista financeira Marcela Ferman, mostra 5 passos de gestão financeira pessoal que as empresas podem aplicar junto aos funcionários, para que eles possam aprender a lidar melhor com o dinheiro. Vale a pena assistir!

Agora que já falamos sobre a importância da educação financeira nas empresas, que tal conferirmos algumas dicas para organizar as finanças?

Como controlar as finanças pessoais?

Para conquistar seus objetivos e alcançar a liberdade financeira, o primeiro passo é organizar o fluxo das finanças. Confira abaixo algumas dicas:   

  1. Faça um levantamento de sua situação financeira atual: comece analisando suas receitas e despesas mensais. Anote todos os seus rendimentos, incluindo salários, renda extra, investimentos, aluguéis, entre outros. Em seguida, liste as suas despesas fixas, como aluguel, contas de água, luz, telefone, Internet, alimentação e transporte. Ter uma visão clara de suas finanças é essencial para definir metas e tomar decisões mais conscientes.   
  2. Estabeleça objetivos realistas: determine metas financeiras de curto, médio e longo prazo. Elas podem incluir a compra de um carro, aquisição de uma casa, investimentos para aposentadoria ou até mesmo a criação de uma reserva de emergência. Ter objetivos claros ajuda a manter o foco e a disciplina para alcançá-los.   
  3. Crie um orçamento detalhado: com base em suas receitas e despesas, estabeleça um orçamento mensal. Determine limites de gastos para cada categoria, priorizando os custos essenciais. Reserve uma parte de sua renda para poupança e investimentos. Acompanhe suas despesas regularmente e faça ajustes conforme necessário.   
  4. Controle seus gastos: mantenha um registro detalhado de todas as suas despesas. Utilize uma planilha ou aplicativo de finanças pessoais para categorizar e acompanhar seus gastos. Identifique áreas em que você pode reduzir valores supérfluos e encontrar maneiras de economizar dinheiro. Pequenas mudanças nos hábitos de consumo podem ter um impacto significativo.   
  5. Evite dívidas desnecessárias: limite o uso de cartões de crédito e fuja de empréstimos a todo custo. Se precisar recorrer a eles, faça uma análise cuidadosa das taxas de juros e das condições de pagamento. Priorize o pagamento de dívidas existentes, começando pelas que possuem as maiores taxas de juros.   
  6. Poupe e invista regularmente: estabeleça o hábito de economizar uma porcentagem de sua renda mensalmente. Crie uma reserva de emergência para lidar com imprevistos e mantenha-a em uma conta de fácil acesso. Além disso, explore opções de investimento de acordo com seu perfil de risco.   
  7. Eduque-se financeiramente: busque conhecimento sobre educação financeira. Leia livros, acompanhe blogs e vídeos especializados e participe de cursos ou workshops sobre o tema. Quanto mais você aprender sobre finanças, melhor preparado estará para tomar decisões inteligentes e alcançar seus objetivos financeiros.


 
 


 

Se você quer se aprofundar ainda mais em finanças pessoais e conferir outras dicas poderosas, não deixe de assistir as dicas do especialista em Finanças, Bruno Capelão. Ele apresenta boas práticas para ter uma organização das finanças eficiente.

Dúvidas? Fale com um de nossos especialistas no Atendimento Online, ligue para nossa Central de Atendimento no telefone 0800 570 0800 ou visite a Agência de Atendimento mais próxima.

Publicado em 03/01/2024 16:32

Tempo de leitura: 6min

Autores

Veja outros conteúdos sobre: Finanças
Lines
Central de Atendimento:
0800 570 0800

Copyright 2020 - SEBRAE MINAS

Logo Sebrae PlayLogo Sebrae