Sebrae Play | Autopublicação: 5 dicas para publicar um livro independente

Adicionado ao carrinho


Investimento:
R$ 0,000 x R$ 0 sem juros
logo

Adicionado ao carrinho


Investimento:
R$ 0,000 x R$ 0 sem juros

Empreendedorismo

Artigo
Artigo

Autopublicação: 5 dicas para publicar um livro independente

Entenda quais os investimentos necessários para realizar a publicação de um livro de forma independente

Publicado em
09/01/2024 19:43

Tempo de
leitura: 9min

Sebrae Minas - Autopublicação: 5 dicas para publicar um livro independente
Entenda quais os investimentos necessários para realizar a publicação de um livro de forma independente

Publicar um livro é o sonho de todas as pessoas que se dedicam ao ofício da escrita. Nem sempre, no entanto, os autores têm oportunidade para entrar no mercado editorial tradicional.

Quando o acesso às grandes editoras é difícil, uma opção é seguir por um caminho independente.

Nos últimos anos, houve um fortalecimento do mercado independente de livros, especialmente por conta da popularização de ferramentas que democratizam a publicação de obras literárias.

A autopublicação se tornou uma solução para aqueles que não querem depender dos acordos com editoras.

Ainda que trabalhosa, a jornada independente pode servir como uma ótima vitrine de divulgação desses autores.

E tem mais: a publicação de uma obra cria a possibilidade de viabilizar a comercialização dos direitos dessas histórias, por exemplo, para o setor audiovisual.

Diante disso, vamos reunir, a seguir, algumas dicas para viabilizar o sonho de publicar um livro através do mercado independente.

Autopublicação: o que é?

Não é mais necessário ter a aprovação e os investimentos de uma grande editora para publicar um livro. Agora, os escritores podem se dedicar a esse processo.

Há empresas e plataformas especializadas em self publishing, termo conhecido no Brasil como autopublicação.

Nesses casos, são os autores que investem tempo e recursos financeiros para que uma obra possa chegar aos leitores.

Essa alternativa independente é caracterizada pelo envolvimento em todas as etapas de publicação do livro. Algumas delas são:        

  • Edição;               
  • Revisão;               
  • Criação da capa;               
  • Diagramação;               
  • Conversão do arquivo para ser lido em dispositivos digitais (se for lançado em e-book).

Na experiência de autopublicação, esses processos podem ser realizados de forma colaborativa ou por meio da contratação de profissionais.

Superadas essas etapas, o livro fica pronto para a publicação. Mas, então, surge a dúvida: como e onde fazer isso?

Onde publicar um livro independente?

Digital

Existem sites e ferramentas para a publicação de livros no formato digital. Uma das mais populares é o Kindle Direct Publising (KDP), da Amazon.

A criação de uma conta no KDP dá acesso a um programa de diagramação e elaboração de uma capa para o livro.

Prontas, as obras podem ser comercializadas pelos autores no formato digital. Algumas dessas plataformas permitem, também, a confecção e venda de livros impressos.

Ainda que simples, a utilização dessas ferramentas pode ser trabalhosa, dependendo do conhecimento de cada pessoa com as etapas de publicação de um livro e dos softwares utilizados.

Pequenas tiragens e POD

O mercado independente conta com plataformas e empresas que prestam serviços editoriais. Elas costumam trabalhar com pequenas tiragens de exemplares de uma obra.

Há, ainda, a modalidade Print on Demand (POD), que condiciona a impressão à venda de exemplares.

Editoras independentes

A autopublicação também pode se dar através de editoras independentes. Muitas delas oferecem serviços como edição, distribuição e divulgação de livros de autores iniciantes.

Nessa opção, os custos de publicação são divididos entre as partes. Uma das vantagens é poder contar com o conhecimento e ajuda técnica da editora para o trabalho.


 
 


 

Quais as vantagens da autopublicação?

Mesmo exigindo dedicação e recursos dos autores, a autopublicação traz algumas vantagens, entre elas:               

  • Controle total sobre os direitos autorais da obra;               
  • Liberdade criativa e para escolha do gênero literário;               
  • Acesso à maior parte dos lucros;               
  • Autonomia quanto aos formatos de publicação;               
  • Possibilidade de publicação gratuita, dependendo da opção de plataforma e após investimentos com revisão e diagramação;               
  • Viabilização de uma carreira e conquista dos primeiros leitores;               
  • Chance de chamar atenção de grandes editoras.

Quais as desvantagens?

Antes de embarcar na jornada da autopublicação, também é importante ter consciência das desvantagens envolvidas na escolha desse caminho. Entre elas, estão:               

  • Necessidade de um investimento financeiro maior;               
  • Grande demanda de trabalho;               
  • Falta de suporte técnico para a confecção do livro;               
  • Esforços de publicidade e venda dependem do autor;               
  • Responsabilidade por estoque e distribuição, quando há tiragem de livros físicos.

Qual o investimento para a autopublicação?

Além de muita dedicação, a autopublicação requer investimentos financeiros que custeiem, se não todas, algumas das etapas de confecção de um livro. Para isso, há três formas que podem ser consideradas:               

  • Recursos próprios: quando o investimento vem da própria pessoa que escreveu o livro e se empenha em publicá-lo;               
  • Financiamento coletivo: uso de plataformas específicas para a arrecadação de recursos, que podem ser doados ou trocados por recompensas, como um exemplar autografado do livro quando lançado;               
  • Publicação gratuita: opção que permite aos autores não terem que custear as publicações escolhendo plataformas que não cobram pela impressão e se orientam pelo número de vendas.


 
 


 

Confira 6 dicas para publicar um livro independente

Já vimos, até aqui, as características e vantagens da autopublicação. Agora, que tal algumas dicas que vão ajudar você a entrar nesse mercado editorial independente? Vamos a elas:

1. Defina seu propósito

Antes de tudo, é fundamental definir claramente qual é o seu propósito. Por que você quer publicar um livro? Há um público-alvo para ele? Quantos exemplares vão ser feitos?

As respostas a essas e outras perguntas são relevantes para orientar toda a jornada que vai levar à publicação de um livro independente.

2. Registre a obra

Assim que o livro estiver concluído, registre-o na Biblioteca Nacional. Isso pode ser feito pela internet, através do site da instituição.

Com esse registro, a propriedade intelectual da obra fica protegida por meio da lei de Direitos Autorais.

3. Analise bem as possibilidades

Com os objetivos definidos, é importante analisar bem todas as opções de formatos, plataformas e editoras independentes no mercado.

Faça um trabalho minucioso de busca por informações, considerando sempre os prós e contras de cada opção disponível.

4. Calcule o orçamento

Ainda que alguns processos ou serviços possam não ter custos, é importante calcular qual vai ser o investimento necessário para a confecção do livro.

Também é necessário, nessa etapa, definir se o investimento vai ser feito através de recursos próprios ou financiamento coletivo.

5. Dedique-se à divulgação

Seja na fase de financiamento coletivo ou depois que o livro já estiver impresso, é fundamental ter em mente que as vendas da obra dependem exclusivamente de você.

Portanto, é necessário dedicar-se às redes sociais, engajando, inclusive, os amigos para a divulgação do livro.

6. Venda de direitos autorais

Pronto! Sua obra, finalmente, chegou às prateleiras e está disponível para os leitores. O ciclo de um livro acaba nas vendas? Nem sempre!

O acesso do público pode fazer com que a obra chegue e desperte o interesse de profissionais do setor audiovisual, por exemplo. Já imaginou sua história virando um filme ou uma série?

Com os direitos autorais devidamente registrados, é possível negociá-los e vendê-los para que se transformem em outros produtos e ganhem novos públicos.


 
 


 

É possível uma autopublicação?

Sim, é possível! A autopublicação pode ser uma ótima alternativa para autores iniciantes. Há vários caminhos a serem seguidos e o mercado independente pode representar um bom início de carreira para esses profissionais.

Além disso, o mais importante é entender que o sonho de publicar um livro é possível de ser realizado.

Dúvidas? Fale com um de nossos especialistas no Atendimento Online, ligue para nossa Central de Atendimento no telefone 0800 570 0800 ou visite a Agência de Atendimento mais próxima.

Publicado em 09/01/2024 19:43

Tempo de leitura: 9min

Autores

Veja outros conteúdos sobre: Empreendedorismo
Lines
Central de Atendimento:
0800 570 0800

Copyright 2020 - SEBRAE MINAS

Logo Sebrae PlayLogo Sebrae