Sebrae Play | Aprenda a conseguir dinheiro para começar uma empresa!

Adicionado ao carrinho


Investimento:
R$ 0,000 x R$ 0 sem juros
logo

Adicionado ao carrinho


Investimento:
R$ 0,000 x R$ 0 sem juros

Finanças

Artigo
Artigo

Aprenda a conseguir dinheiro para começar uma empresa!

Saiba como se preparar para captar recursos ao iniciar uma empresa

Publicado em
10/08/2023 13:32

Tempo de
leitura: 5min

Sebrae Minas - Aprenda a conseguir dinheiro para começar uma empresa!
Saiba como se preparar para captar recursos ao iniciar uma empresa

Colocar em prática um novo negócio, que muitas vezes é um sonho de anos, não é tarefa simples. Planejamento é a palavra-chave!

Planejar produtos, produção, atendimento dos clientes, localização, entre outros, sempre tira o sono de empreendedores. Porém, um outro tipo de planejamento não pode faltar: dos recursos para se começar.

Neste artigo vamos falar sobre planejar o dinheiro para começar uma empresa e como conseguir os recursos necessários para este passo tão importante para colocar no mercado a sua ideia de negócio. Bora ver aqui no Sebrae Play!

Como ter dinheiro para começar uma empresa?

É realidade no Brasil uma grande dependência de capital dos proprietários quando se fala no início de um novo negócio. Mas também é verdade que apenas esse recurso pode não ser suficiente para o pontapé inicial e que a ausência de capital suficiente pode limitar o crescimento futuro.

Nesse sentido, devemos entender onde obter capital para negócios que estão em estágio inicial. Primeiramente, para se obter algum crédito nessa fase, deve-se ressaltar a importância de a ideia de negócio estar bem alicerçada, com um bom plano de negócios funcionando como norte da operação que irá iniciar.

Não podemos esquecer que a palavra “crédito” tem a mesma origem da palavra “acreditar”. Será que potenciais fornecedores de capital acreditam na minha proposta?


 
 

O que são linhas de crédito?

Uma das maneiras de se obter capital nesse momento é buscando linhas de crédito específicas para essa finalidade, tanto em instituições financeiras públicas ou privadas, cooperativas de crédito, entre outras.

No Brasil, existem linhas para aquisição de ativos fixos e capital de giro na fase inicial, mas uma boa pesquisa precisa ser realizada, com o objetivo de se comparar prazos, taxas, exigências de garantias e volume de recursos disponíveis.

Nunca é demais lembrar que, por se tratar de endividamento, a pesquisa e o planejamento são fundamentais, pois a obtenção de um capital de custo alto nessa fase pode atrapalhar as perspectivas de crescimento futuras e não queremos começar assim, não é mesmo?

O que é sociedade?

Uma outra forma de captar recursos para se iniciar uma empresa é buscando sócios, que tanto podem trazer o capital para o negócio como, eventualmente, também podem agregar alguma complementaridade em termos de competências, caso sejam sócios que irão atuar no dia a dia.

Assim como com o endividamento, a relação de sociedade também merece planejamento. Aqui, diferente da dívida que nos cobra juros, não há um compromisso assumido de pagamento futuro mensal, por exemplo, mas há a perspectiva de remuneração ao sócio via geração de lucros.

E, claro, não se pode esquecer que um sócio tem direito de opinar sobre as ações e rumos da empresa. Daí a necessidade de se estudar bem o(s) nome(s) a ser(em) escolhido(s).

O que são investidores anjo e financiamento coletivo?

Por fim, ganham força em nosso país duas outras formas de obtenção de recursos: os investidores anjo e o financiamento coletivo.

A primeira muitas vezes está ligada a negócios nascentes do ramo de tecnologia e contemplam pessoas detentoras de um bom capital que estão dispostas a correr risco para financiar boas ideias, sempre com bom embasamento e com perspectiva de retorno. Nesse caso, são considerados sócios do negócio.

Já o financiamento coletivo costuma ocorrer via plataformas online onde pessoas de qualquer lugar podem contribuir com uma parcela do capital necessário para viabilizar uma ideia inovadora. É importante dizer que os financiadores não são sócios da operação, mas é comum receberem brindes ou bonificações futuras da empresa uma vez que ela esteja operando.

Independente da opção escolhida, deve-se ter em mente que a definição do tamanho inicial da operação impacta no montante de recursos que será necessário captar e isso pode interferir no sucesso futuro. Pode ser uma boa ideia começar menor, com uma menor necessidade inicial de captação de dinheiro para começar uma empresa e planejar para que o crescimento seja gradual e sustentável.

Conte com o Sebrae para ajudar você a melhorar o controle financeiro! Fale com um de nossos especialistas no Atendimento Online, ligue para nossa Central de Atendimento no telefone 0800 570 0800 ou visite a Agência de Atendimento mais próxima.

Publicado em 10/08/2023 13:32

Tempo de leitura: 5min

Autores

Veja outros conteúdos sobre: Finanças
Lines
Central de Atendimento:
0800 570 0800

Copyright 2020 - SEBRAE MINAS

Logo Sebrae PlayLogo Sebrae